Sites Grátis no Comunidades.net

 Modelismo - AVIAÇÃO MILITAR PORTUGUESA


 

Visite também os meus Sites:

 

Modelismo - AVIAÇÃO MILITAR MUNDIAL

 

OBERION - Fantastic Fantasy Art

 

 

 

ÍNDICE

 

ATENÇÃO:  as miniaturas expostas neste Site não estão à venda, são de colecção privada.

 

NOTA:  visite a lista de aeronaves neste Índice abaixo. Para ver a aeronave que pretende clique no seu nome. A primeira foto de cada aeronave tem a sua descrição, cores, características técnicas e história. Para aumentar a vista clique sobre as fotos.

 

AERONÁUTICA MILITAR

P-39D (P-400) Airacobra (Academy 1/72) 

Mohawk MK IV (H-75A-4 Hawk) (AML 1/72) 

Master T.MK III (Novo 1/72) 

Lysander MK IIIA (Airfix 1/72) 

Blenheim MK IVL (Airfix 1/72)

P-38G Lightning (Airfix 1/72)

Spitfire LF.MK VB (Revell 1/72)

Hurricane MK IIC (Revell 1/72) 

 

AVIAÇÃO NAVAL

Beaufighter MK X (Airfix 1/72) 

Beaufighter TF.MK X (Matchbox 1/72) 

 

FAP - FORÇA AÉREA PORTUGUESA

AT-6A Texan (Heller 1/72) 

Harvard MK IV / T-6J Texan (Academy 1/72)

T-6G Texan (Airfix 1/72) 

SA-316B Alouette III / Sud-Est SE.3160 (Heller 1/72) 

Fiat G.91R/4 Gina (Airfix 1/72) 

Fiat G.91R/3 Gina (Aeroclub 1/72 vacuform) 

Fiat G.91T/3 Gina (Aeroclub 1/72 vacuform) 

A-7P Corsair II (Hasegawa 1/72) 

Alpha Jet-A (Revell 1/72) 

FTB-337G Super Skymaster (Arii 1/72) 

DHC-1 Chipmunk (Airfix 1/72) 

DO-27A (Huma 1/72) 

F-47D Thunderbolt (Revell 1/72) 

F-84G Thunderjet (Heller 1/72) 

T-33A T-Bird (Hasegawa 1/72) 

F-86F Sabre (Hasegawa 1/72) 

T-38A Talon (PM Model 1/72) 

F-16B Fighting Falcon (Italeri 1/72) 

C-212-300S Aviocar (SIFICAP-SLAR) (Historic Wings 1/72 vacuform) 

 

OUTROS MODELOS BREVEMENTE

T-37C Tweet,

T-37C Tweet (Asas de Portugal),

TA-7P Corsair II,

F-16AM Fighting Falcon,

FTB-337G Super Skymaster (verde escuro US Vietnam e ventre cinza-azulado),

FTB-337G Super Skymaster (cinza escuro integral, doada à F.A. Moçambique),

DHC-1 Chipmunk MK20 (Academia da FAP),

N.2501D Noratlas (verde e cinza com ventre cinza-azulado),

N.2502F Noratlas (com tipjets nas asas e em olive integral),

C-130H Hercules (nova pintura cinza médio integral), 

P-3C Orion,

P-3P Orion (cinzas de baixa visibilidade), 

SA-330C Puma (olive integral),

SA-330S Puma (SAR),

SE.3130 Alouette II,

SE.3160 Alouette III (com floats, olive integral e dayglo dorsal),

SA-316B Alouette III (Rotores de Portugal),

B-24D Liberator,

SB2C-5 Helldiver,

Vampire T.55,

SB-17G Flying Fortress (SAR), 

SA-16A Albatross (SAR),

AT-11A Kansan,

C-45H Expeditor,

D-18S Twin Beech, 

L-21B Super Cub (olive integral),

ASK-21 (glider),

C-47A Skytrain/Dakota (olive integral),

C-54D Skymaster,

B-26B Invader (olive integral),

B-707-3F5C (VIP),

Falcon 50 (VIP),

Falcon 20 (VIP),

TB-30 Epsilon (cinza escuro),

C-212-100B Aviocar (olive integral),

C-295MPA Persuader (MP), 

EH-101 Merlin (CSAR), 

H-19A Chickasaw (SAR),

Super Lynx MK 95 (Marinha Portuguesa)

... e outros!  

 

 


Total de visitas: 158132
Kits - Modelos - Miniaturas

Primeira Anterior ...          ... Próxima Ultima

Westland Lysander MK IIIA (Airfix 1/72)


(Imagem 14/128)

Westland Lysander MK IIIA (Aeronáutica Militar); Camuflagem: RAF Humbrol 30/29/90; Origem: Reino Unido; Tipo: avioneta de transporte utilitário, ligação, uso geral, e infiltração/exfiltração de espiões atrás das linhas inimigas; Motor: Bristol Mercury XX (870cv) radial estrela c/hélice 3 pás; Velocidade Máxima: 341Km/h; Raio de Alcance: 966Km; Tecto Operativo: 6550m.


A Lysander voou pela primeira vez em Junho 1936 e foi afectuosamente apelidada "Lizzie" pelos pilotos da RAF. Éra uma avioneta com trem de aterragem largo e alto, próprio para operar em condições TT (pistas não-preparadas, campo aberto, prados relvados ou áreas rurais). Nas pernas do trem, podiam ser montadas pequenas aletas com cabides (pylons) para pequenas bombas ou metralhadoras, e no ventre caudal podia ser montado um pequeno kit-suporte para quatro bomblets de 9Kg. Tinha asas altas de desenho e perfis singulares, voava e planava muitíssimo bem, mesmo a velocidades muito baixas, possuía características (STOL) pelo que necessitava de pouquíssimo espaço para descolar ou aterrar. Desempenhou maravilhosamente as suas missões ao longo de toda a Segunda Guerra Mundial, incluindo funções para o Royal Army tais como reconhecimento, direccionamento e correcção de tiro para a artilharia pesada, e ligação. A Lysander foi a última aeronave a deixar a zona de Dunquerque aquando a retirada apressada das forças inglesas. Sobre o Canal da Mancha, foi também utilizada em missões marítimas de busca e salvamento (SAR) largando botes salva-vidas para as tripulações de aviões abatidos e navios afundados. Sobre a França ocupada, foi amplamente utilizada em missões clandestinas nocturnas de infiltração e exfiltração de agentes secretos de espionagem atrás das linhas inimigas. Para este papel, a versão Mk IIISCW (SD-Special Duties) foi pintada de preto, equipada com uma escada para facilitar o acesso rápido à cabine da retaguarda e com um grande tanque-cisterna de combustível-extra, acoplado ao ventre, para aumentar-lhe o alcance de missão. O observador-vigilante, no assento traseiro, assegurava apoio de fogo, em caso de necessidade, com uma obsoleta e limitada metralhadora ligeira Lewis (7,7mm) apoiada num suporte preso ao piso da cabine. Um total de 1786 avionetas Lysander foram construídas, entrando ao serviço da RAF britânica e exportadas para EUA, Canadá, Irlanda, França livre, Portugal, Polónia, Finlândia, Turquia, África do Sul, Índia britânica, Austrália e Egipto. As Lysander da Força Aérea Egípcia foram as últimas no serviço activo, actuando contra Israel na Guerra da Independência, em 1948.

Criar um Site Grátis   |   Create a Free Website Denunciar  |  Publicidade  |  Sites Grátis no Comunidades.net